Gostou? Então espalha pra galera!

09 junho 2011

Enfim, os 30...

Vi esse texto no blog Luxo Básico, da @JuDacoregio, que por usa vez, viu no orkut da Flor Rosa.

E, para celebrar a minha mais nova idade, resolvi publicá-lo. 

Hoje, 9 de junho de 2011, finalmente, chego aos 30 anos! Em 2010, até escrevi sobre "um possível" medo de chegar a essa idade. Mas, como diz o texto logo abaixo, não há o que temer. E parafraseando a Juliana, temos mais é que celebrar!




Uma mulher é muito mais mulher aos 30 anos.


No segundo momento ela será talvez umas sete ou oito vezes mais interessante, mais sedutora, mais irresistível do que no primeiro.

Aos 30 anos, a mulher se conhece mais e é por isso muito mais autêntica, centrada, certeira - no trato consigo mesma e na relação com o seu homem.

CORPO
Aos 30, a mulher tem uma relação mais saudável com seu corpo. Aos 30, ela está muito mais interessada em absorver do mundo o que lhe parecer justo e útil, ignorar o que for feio e baixo astral e ser feliz o máximo que der. Se o seu homem não gostar dela do jeito que ela é, dane-se!! Uma mulher de 30 só quer quem a mereça.

MODA
Aos 30, ela sabe se vestir. Domina a arte de valorizar as partes do corpo que lhes são pontos fortes e de tornar discretas aquelas que não interessa tanto mostrar. Melhora muito a qualidade da sua escolha de sapatos e acessórios, tecidos e decotes, cores e combinações, maquiagem e corte de cabelos.

DINHEIRO
Gasta mais, porque tem mais dinheiro, mas, sobretudo, gasta melhor. Tem gestos mais delicados, posturas mais elegantes, é mais graciosa e temperada. O senso de propriedade e a noção de limites de uma mulher de 30 não têm termo de comparação com outra de 20. Aos 30 ela carrega um olhar muito mais matador - quando interessa matar. E que finge indiferença com muito mais competência - quando interessa repelir.

COMPORTAMENTO
Aos 30, a mulher não é mais bobinha. Não que fique menos inconstante. Mulher que é mulher se pudesse não vestia duas vezes a mesma roupa nem acordava dois dias seguidos com o mesmo humor. Mas aos 30 ela já sabe lidar melhor com esse aspecto peculiar da sua condição feminina. E poupa - exceto quando não lhe interessa poupar - o seu homem desses altos e baixos hormonais que aos 20 a transformavam.

Sim: aos 20 a mulher é escolhida. Aos 30, é ela quem escolhe!
Com 20 ela eventualmente veste calcinhas que não lhe favorecem. E as pendura no registro do chuveiro. Aos 30, usa lingeries escolhidas a dedo. Que, sempre surpreendentes e com altíssimo poder de fogo, o seu homem nunca sabe de onde saíram.

Aos 30, ela é mais natural, mais elegante, mais sábia, mais serena. Menos ansiosa, menos estabanada.

No jogo com os homens, já aprendeu a esgrimir no contra-ataque, construindo seus xeques-mates em silêncio. Quando dá o bote, é para liquidar a fatura.

Ela sabe dominar seu parceiro sem que ele se sinta dominado. Mostra sua força na hora certa, de modo sutil.


[Autor desconhecido]


Mas eu assino embaixo! rs

11 mil pitacos!:

Pensamentos soltos disse...

Parabéns Linda !!! Tudo de melhor na sua vida, muita saúde e paz.
E o texto está showw de bola, ainda estou na casa dos 20 mais um dia chego lá... rs rs rs

Um grande abraço e tudo de Bom.
=*

Diana disse...

Parabéns Beth,

Pelo Aniversário. Muita saúde, felicidades e Amor.
E pela força que move hoje a sua vida, que sem sombra de dúvidas ela vem dos céus.
Tudo de bom.. Bjs

Ju Dacoregio disse...

Parabéns darling!
Muita felicidade, aproveite essa idade maravilhosa (não que mude muito realmente, mas é um marco).
beijão

Ricardo Chicuta. disse...

Parabéns então.Chegou aos 30 muitissimo bem.

Non Nattus Júnior disse...

Olá
Balzaquina
e
t
h
Te parabenizamos hoje,porque nos demais dias somos presenteado com sua amizade,verdade que é virtual, e que nunca nos vimos.Mas não tenho como negar,que vinha este espaço virtual e seus textos e sua atenciosidade,hoje lhe tenho uma profunda simpatia.E considero minha amiga.
Pelos seus textos,tirei algumas impressões sobre VC, e compara a uma árvore :
Uma árvore plantada pela vida junto as margens de um rio. Quando as tempestades o faz tranbordar, coisa lhe atinge intensamente. Mesmo assim permaneces firme,porque estás bem enraizada com a raiz de sua firmeza interior.
Como todas as árvores podemos enxergar as folhas formosas da : Sinceridade,convicção ,companheirismo.... e entre elas encontramos aquelas amareladas : falta de paciência ,irritabilidade,intempestiva. ..(assim que lhe imagino,rssr)...
Aprendemos a enxergar que sentes falta de um galho belo e vigoroso, que lhe foi arracandado de forma abrupta e inesperado. Este galho lhe trazia as melhores sensação que vc podia sentir na sua existência...
Apesar da idade (rssrsr) nesceram apenas duas flores ,que batizastes de : Leticia e Raquel. Flores que emitem o cheiro da maternidade,felicidade,e produz orgulho e alegria no mais profundo do seu interior.
Como toda árvore também produz um fruto,chamado amizade.E aquele que pega este fruto,percebe que nele contém a semente da verdadeira amizade.
Um abração forte virtual,Balzaquiana.

Pri disse...

Feliz aniversário atrasado querida! Tuuuuuudo de bom!
Nossa, te daria no máximo uns 25...

E sobre o selinho que você comentou lá no blog, amiga, vi tarde demais o comentário (só hoje!) e não achei ele... :(
Mas obrigada mesmo assim, fiquei super feliz de ser lembrada! De coração.

beijinhos
http://www.deliriosdeconsumo.com/

Mara Melinni disse...

Oi, Beth...

Com atraso, mas na melhor intenção, passo p/ desejar-te paz, saúde e que vc consiga colher muitas flores em seu caminho...

[escutei que era seu níver pela 95 FM!]

Beijos!!!

Teacher Mary disse...

Já assistiu o filme "De repente 30"?Tem muita coisa do seu post que foram transmitidos através dos seus sentimentos...eu tb tive uma crise e grande...e todo e qualquer probleminha que acontecia, em lágrimas eu dizia assim:como pode uma mulher de 30 anos ter que passar por isso?Rssrssrs.
Bjão Beth...

Beth Amorim disse...

Olá, pessoas queridas!!!

Muito obrigada pelo carinho de vocês...

Fico muito feliz por ter - mesmo que só virtualmente - pessoas tão gentis "por perto"! rs

Beijos!

Anônimo disse...

oi beth as vezes vc esta tao alegre que parece ja ter superado ai derrepente desmorona e fica a empreçao que foi ontem que vc perdeu seu amado.

Beth Amorim disse...

Pois é... É desse jeito mesmo... Uns dias estou bem, em outros fico mal pra caramba... Na verdade penso nele a todo minuto. E penso sempre nos momentos maravilhosos que tivemos.

Porém, em certos dias, o pensamento me remete à dor, e por isso desmorono...

Mas, mesmo assim vou levando a vida... Aproveitando o que ainda me restou...

Não Seja Egoísta! Compartilhe!